Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Dona do IFood abre inscrição para competição de TI exclusiva para negros

É a primeira vez que o Grupo Movile organiza um hackaton exclusivo para pessoas negras. Grupo vencedor leva 4 mil reais

Por Camila Pati Atualizado em 3 fev 2020, 10h52 - Publicado em 1 fev 2020, 06h00

São Paulo – Até o dia 17 de fevereiro, o Grupo Movile, dono de apps como iFood e PlayKids, recebe inscrições para o MovileHack Afro, uma maratona para programadores que, pela primeira vez, tem foco em pessoas negras.

O hackaton tem 50 vagas, começa no sábado, dia 7 de março, e vai até o dia 8, no escritório da Movile, em São Paulo. Durante a maratona, participantes terão que propor soluções para o seguinte problema: “como educar jovens em situação de vulnerabilidade usando tecnologia?”

  •  

     

    As três melhores equipes serão premiadas em dinheiro: 4 mil reais para o 1º lugar e o grupo vencedor ainda vai receber mentoria da executiva de TI Nina Silva, sócia fundadora do Movimento Black Money. Nina é uma das 100 pessoas afrodescendentes com menos de 40 anos mais influentes do mundo, segundo a ONU.

    O primeiro hackaton exclusivo para negros tem apoio do AfroMovile, que é o grupo interno da Movile responsável por iniciativas voltadas para diversidade. O evento também tem como objetivo conectar profissionais negros da área de tecnologia ao Grupo Movile. A empresa tem mais de 4 mil funcionários e um crescimento anual médio de 60%.

     Buscando oportunidades na área de tecnologia?

    Startup oferece 100 mil vagas em cursos online grátis de programação

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade