7 dicas para quem vai fazer home office em tempos de coronavírus

Saiba quais são os aspectos mais importantes para criar um ambiente de home office agradável e, ao mesmo tempo, produtivo

Em meio à pandemia de coronavírus, o home office está sendo implementado em larga escala no Brasil. Apesar das vantagens, há desafios – ser produtivo em sua própria moradia, afinal, não é a mesma coisa que estar em um escritório, equipado e desenhado para o trabalho.

A saída é pensar de forma estratégica na hora de arrumar o seu espaço de trabalho em casa. E, acredite, o tamanho não é o que faz a maior diferença. “Tem muito cliente que tem uma sala grande para o home-office, mas fica tudo bagunçado e empilhado”, diz Ingrid Lisboa, personal organizer que ministra cursos de organização em ambientes, de São Paulo.

O que mais importa, segundo ela, é saber organizar o espaço que será usado para o trabalho, além, claro, da própria rotina. A seguir, veja o que levar em conta na hora de arrumar seu escritório em casa.

1 – Ambiente tranquilo
Não existe lugar certo para home office, tudo depende de seu perfil e do ambiente que tem disponível. Há quem prefira fazer no próprio quarto, na sala, no quarto de hóspedes ou até mesmo no quartinho de serviço. O que eu recomendo é que o profissional escolha um lugar no qual consiga se concentrar. “Se você se distrai facilmente, evite lugares de passagem, com muitas interrupções”, diz Ana Brito, arquiteta e sócia do Arquiteto em Casa, em São Paulo. Além disso, ela lembra, há fatores práticos a serem levados em conta: o espaço tem tomadas o suficiente? Tem acesso à rede de internet e telefone? “São detalhes bobos, mas que fazem muita diferença no dia a dia.”

2 – Iluminação natural 
Nem sempre é possível, mas, se puder, prefira lugares arejados, com janela. O ideal é que você escolha um ambiente da casa com boa iluminação natural – além de evitar gasto excessivo de energia, a luz do sol ajuda a manter o ambiente mais agradável para trabalhar. Caso vá usar luz artificial, há alguns cuidados a tomar. “Evite colocar a luz nas suas costas”, diz Ana. Ela explica que, nessa posição, o seu próprio corpo criará sombras sobre a mesa de trabalho, dificultando a concentração. “É importante pensar em uma luz adicional, usando luminárias, por exemplo”, afirma a arquiteta. Isso vale também para armários e arquivos nos quais você guarda documentos – se essas coisas não estiverem bem iluminadas, você perderá tempo tentando achar um papel ou outro. Para o trabalho, aliás, o melhor é a luz branca – a chamada “luz de escritório”, que nos deixa mais alerta. “A luz amarela é mais aconchegante e convida mais ao descanso”, diz Ingrid.

3 – Escolha das cores
Cores interferem em nossa concentração e humor. “Não tem tom certa, depende da personalidade de cada pessoa”, diz Ana. Cores vibrantes, como vermelho e amarelo, são estimulantes. Mas, se você é agitado demais e já tende a se estressar, por exemplo, tome cuidado ao escolher móveis ou pintar a parede em tons fortes. Cores suaves, como azul e verde, são mais relaxantes.

4 – Ergonomia em foco
Se for para gastar em apenas uma coisa, prefira investir em uma boa cadeira. “Muita gente usa a da sala, mas para passar horas trabalhando, não é recomendado”, diz Ingrid. Além de evitar problemas de postura e dores nas costas, por exemplo, também pode ajudar na motivação para trabalhar no seu escritório pessoal e não, digamos, no sofá. “Procure um modelo com regulagem de altura, que ajuda em espaços apertados, pois a cadeira pode ser encaixada embaixo da mesa”, afirma Ana. É importante ir pessoalmente à loja e experimentar as diferentes opções antes de fazer a compra definitiva.

5 – Documentos em ordem
Da mesma forma que em um escritório há arquivos para cada tipo de documento, pode ajudar ter um sistema próprio para os seus papéis em casa. Ingrid sugere, por exemplo, uma caixinha de correspondências, uma para entrada e outra para saída de material e uma terceira para deixar as coisas que você usa com frequência facilmente acessíveis.

6 – Mesa na medida
Procure uma mesa com comprimento suficiente para alocar seu computador mais aquilo que é essencial ter próximo, como porta-canetas, blocos e materiais de trabalho recorrentes. E, lembre-se, tenha um lugar para guardar cada um desses itens para que não fiquem espalhados – nem empilhados. “Muita gente, para se sentir melhor, faz pilhas bem arrumadas das coisas”, diz Ingrid. “Mas isso não é organização, é efeito estético”. Adotar desde o começo o hábito de ter um lugar específico para cada elemento do seu trabalho ajuda a não esparramar tudo pela casa, além de manter o espaço de home office arrumado. Para quem tem dificuldades em separar vida pessoal e profissional, esse conselho é ainda mais valioso.

7 – Móvel estratégico
Você não precisa ter um armário muito grande nem inúmeras prateleiras na parede de seu escritório. Basta um gaveteiro ou uma pequena estante para acomodar o material de trabalho, de preferência próximos à mesa. “Sugiro pensar em tudo que irá guardar ali para determinar a altura: 30 centímetros costumam ser suficientes”, diz Ana.

Semana de 3 dias e metas compartilhadas: já ouviu falar sobre job sharing?

Carolina Mazziero e Liana Fecarotta, diretoras de RH da Unilever Brasil, falam sobre a experiência e os desafios de dividir a mesma função:

Novo modo de trabalho na Unilever

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: