Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Precisa responder e-mails em inglês no trabalho? Veja como não fazer feio

Para quem troca e-mails em inglês no dia a dia, é importante estar familiarizado com algumas expressões chave do idioma. Veja quais são elas.

Por Alberto Costa Atualizado em 12 jan 2021, 11h01 - Publicado em 12 jan 2021, 17h00

Se você trabalha em uma multinacional ou atende contas de empresas fora do Brasil é bem provável que precise se comunicar em inglês, seja para trocar informações, enviar relatórios ou criar networking com parceiros e clientes estrangeiros. Afinal de contas, a língua na maioria das vezes é o denominador em comum entre esses componentes citados acima.

E a forma mais simples de fazer esse tipo de troca dentro de ambientes corporativos é por e-mails formais, geralmente com várias pessoas em cópia. Ou seja, na hora de redigir as mensagens, o idioma precisa ser afiado para que você se faça entender e consiga se comunicar com facilidade.

Dominar algumas expressões em inglês específicas para o contexto empresarial certamente podem te ajudar na tarefa. Por isso, listamos algumas delas aqui embaixo. Confira: 

1 – To arrange a meeting

Reuniões são super comuns e fazem parte do dia-a-dia corporativo, mas antes de enviar um invite é necessário avisar a outra parte por e-mail e confirmar uma data. Para isso, pode apostar na expressão: “I’d like to arrange a meeting”, em tradução livre: gostaria de marcar uma reunião.

2 – It follows attached

Continua após a publicidade

O famoso “segue anexo”, tão usado nos e-mails de trabalho. Em inglês, você certamente vai utilizá-lo muito para enviar documentos. Nestes casos, pode dizer como no exemplo a seguir: “The contract/document is attached”, traduzindo: o contrato/documento está anexo.

3 – I’m looking forward to hearing from you soon

A frase significa: aguardo ansioso por uma resposta. Ao concluir o e-mail, aposte nessa expressão ou em outras semelhantes para cobrar o retorno rápido do destinatário, mas sem parecer rude ou impaciente, claro.

4 – The bottom line

Por vezes, ao enviarmos um e-mail muito longo é necessário lembrar e recapitular a ideia principal do texto. E, para garantir que todos compreendam que aquela informação é o cerne da discussão, use a expressão “the bottom line”, como no exemplo a seguir: The bottom line is that we need to rethink our objectives, tradução: O principal é que precisamos repensar nossos objetivos.

Para finalizar, é necessário lembrar que algumas expressões em inglês devem ser evitadas em e-mails muito formais e as gírias entram nesse caso. Quando finalizar o e-mail, não se esqueça de revisar o texto a ser enviado para evitar erros de ortografia, que podem comprometer a sua imagem profissional, e se certificar de que a mensagem será bem entendida por quem vai recebê-la.

*Alberto Costa é Senior Assessment Manager da Cambridge English

Continua após a publicidade
Publicidade