Mais internet e VR em dinheiro: empresas apoiam funcionários na quarentena

Companhias criam benefícios para ajudar funcionários que, por conta da epidemia de coronavírus, estão em home office

Na semana passada, com a criação de medidas de isolamento social adotadas pelas cidades para impedir o avanço do coronavírus, muitas empresas foram obrigadas a aderir ao home office para continuar operando. E, embora 58% dos profissionais afirmem não receber suporte do empregador para realizar o teletrabalho, algumas companhias foram na contramão desse cenário e criaram diversas ações para apoiar os times durante o período de quarentena.

Entre as iniciativas estão desde subsídios para arcar com contas de internet, telefone e móveis de escritório até parcerias com aplicativos para a prática de exercícios físicos online. Veja a seguir algumas delas:

Subsídio para contratar planos de internet melhores

Desde a última segunda-feira, os 150 funcionários da startup de recrutamento Gupy estão trabalhando de casa. Para que os empregados não tenham a produtividade afetada e consigam executar as tarefas sem transtornos, a empresa disponibilizou um benefício para a contratação de planos de internet mais rápidos no valor de 100 reais para todos. A startup também entrou em contato com cada funcionário e ofereceu um auxílio para a compra de mesas, cadeiras e outros materiais de escritório.

 

 

Chips de operadoras e aparelhos celulares 

Outra empresa que também ofereceu suporte para que os funcionários trabalhassem remotamente foi a Contabilizei, plataforma de contabilidade online. Desde a semana passada, a companhia liberou o home office para os 398 empregados dos escritórios de São Paulo e Curitiba. Por conta disso, disponibilizou chips de operadoras e celulares para todo o time de vendas. A companhia também realizou um levantamento daqueles que necessitavam de equipamentos, como monitores e móveis de escritórios, e chegou a instalar internet para um dos funcionários que não possuía o serviço em casa.

Vale-refeição em dinheiro e aulas de exercícios físicos online

Já a Revelo, plataforma de recrutamento e seleção digital, liberou os 200 funcionários para trabalhar remotamente e criou, em parceria com o plano de saúde, uma central médica 24 horas para que eles tirem dúvidas sobre o coronavírus. Outra iniciativa é o pagamento do vale-alimentação em dinheiro para ser gasto de acordo com as necessidades de cada trabalhador. Por último, a empresa também estuda a parceria com aplicativos de educação física para oferecer gratuitamente aulas e treinos de exercícios físicos para o time.

Em casa na quarentena?

Veja cursos online (gratuitos ou quase) para fazer durante o período de isolamento social 

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: