Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

6 sugestões inspiradoras para quem quer passar o Carnaval vendo filmes

Filme com Ryan Gosling no papel de Neil Armstrong está lista elaborada pela equipe do CIEE com longas que têm lições de carreira interessantes

Por Camila Pati Atualizado em 19 dez 2019, 16h10 - Publicado em 2 mar 2019, 06h00

São Paulo – Nem só de trio elétrico e samba na avenida se faz uma folga de Carnaval. Para quem busca lampejos de inspiração e, não, apenas lantejoulas, os executivos do Centro de Integração Empresa-Escola – CIEE sugeriram alguns filmes com histórias de transformação e lições edificantes.

“Os filmes escolhidos apresentam lições diferentes e complementares”, diz Vinicius Santos, superintendente de Recursos Humanos do CIEE.  Confira:

Escritores da Liberdade

É uma história real sobre uma escola de periferia cujos alunos têm problemas de aprendizagem.  Inspirados por uma professora que lhes dá voz, os jovens, antes desacreditados, começam a perceber seu valor.  No elenco, Hilary Swank e Patrick Dempsey.

Coach Carter 

Único da lista que está disponível Netflix, o filme conta a história do técnico de basquete Ken Carter, vivido por Samuel L. Jackson. Ele aceita preparar o time de sua antiga escola, que fica em um bairro pobre e violento.   Para encarar a missão, o técnico impõe um rígido código de conduta aos jovens.

Um Sonho possível

Um jovem com vocação para jogar futebol americano, mas que não tinha estrutura familiar que o apoiasse, encontra na adoção o amparo que precisava para deslanchar no esporte. O filme é baseado em uma história real e deu o Oscar de melhor atriz a Sandra Bullock.

“Escritores da Liberdade, Coach Carter e Um Sonho Possível mostram cenários em que alunos desacreditados e com pais ausentes têm na figura da professora, do treinador e até do próprio esporte a possibilidade de um futuro e oportunidades para crescer”, diz Vinicius Santos, superintendente de RH do CIEE. Segundo ele, são histórias inspiradoras sobre capacidade de ir além e perseguir sonhos.

Um Senhor Estagiário 

Continua após a publicidade

No puro estilo nunca é tarde para recomeçar. “O filme mostra o embate de gerações dentro de um escritório. Nesse caso, o senhor de 70 anos é o estagiário, mas temos em muitas empresas o contrário. O interessante é que as duas gerações se mostram abertas para discutir e contribuir cada uma da sua maneira para o crescimento da empresa e o amadurecimento pessoal de cada um deles”, diz Santos.

Ainda que ele fique perdido ao começar a trabalhar em ambiente de startup, o estagiário sênior enriquece o trabalho em equipe com seu olhar experiente. 

Primeiro Homem

 Recém-saído telas de cinema e ganhador do Oscar de efeitos visuais, o filme estrelado por Ryan Gosling e Claire Foy traz a biografia de Neil Armstrong, primeiro homem a pisar na lua.

A trajetória do astronauta uma aula de perseverança e mostra a importância de estar preparado academicamente e revela que mesmo com toda a dedicação e preparo erros via de regra fazem parte do processo.

“Imaginem se Neil Armstrong desistisse no primeiro obstáculo? O importante é aprender, amadurecer e ajustar os ponteiros para que seja possível atingir as metas, sejam elas pessoais ou profissionais”, diz Santos.

Moneyball – O Homem que Mudou o Jogo

Baseado em uma história real, o filme mostra a importância de tomar decisões com o amparo de dados e fatos. Se hoje o uso de big data é realidade no esporte, na época em que Billy Beane, o gerente do time de beisebol Oakland começou a usar não era assim que funcionava.  Sua atuação pioneira ao escolher jogadores com base em dados foi desacreditada no começo mas acabou revolucionando o baseball nos Estados Unidos.

“Acredito que Primeiro Homem e Moneyball tem histórias e aprendizados semelhantes. Ambos conseguiram atingir um sonho, uma meta ousada, que poucas pessoas acreditavam. Eles foram visionários, se prepararam, estudaram e mantiveram o foco no objetivo que apenas eles conseguiam enxergar”, diz Santos.

 

 

Continua após a publicidade

Publicidade