Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês
Guru Perguntas & Respostas

Qual é a ação mais cara do Ibovespa?

Uma ação da Rumo Logística custa R$ 17. Uma da PetroRio, R$ 85. Qual está mais cara? A da Rumo. Entenda.

Por Alexandre Versignassi Atualizado em 31 Maio 2021, 13h14 - Publicado em 8 mar 2021, 08h00

O valor nominal de uma ação não quer dizer nada. Uma ação de R$ 17 pode tranquilamente ser bem mais cara que uma de R$ 80, R$ 85.

Uma ação é uma parte de uma empresa. Um “papel” que torna você dono de um pedaço dela. Compre uma ação da PetroRio e você se tornará proprietário de 1,75 décimo de milésimo da companhia de óleo de gás. Adquira uma da Rumo e tenha direito a 1,85 bilionésimo da empresa de transporte ferroviário. É que há 185 milhões de ações da Rumo no mercado, e só 175 milhões da PetroRio.

Cada empresa se divide no número de fatias que bem entender. E claro: cada uma tem seu tamanho, seu faturamento, seu lucro. O que elas fazem é dividir-se em pedacinhos que não custem mais de R$ 100, de modo que a compra dos papéis fique acessível para mais gente.

Se passar muito disso, rola uma meiose (um “desdobramento” no jargão financeiro). A empresa faz com que cada ação de R$ 100 se transforme em duas de R$ 50, e beleza. Para saber se uma ação está cara ou barata de fato, você precisa dividir o “valor de mercado” dela, que é o preço somado das ações que ela tem no mercado pelo lucro que a companhia apresentou nos últimos 12 meses. O resultado será o P/L (preço sobre lucro) da companhia.

Quanto maior for esse número, mais cara está a empresa (pois indica que temos valor de mercado demais para lucro de menos). O P/L da Rumo, no final de fevereiro, era de 101. O da PetroRio, 25.

-

Continua após a publicidade
Publicidade