Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

O que fazer depois da entrevista de emprego

Como se comportar após ter passado pela entrevista

Por Por Redação Você S/A Atualizado em 17 dez 2019, 15h23 - Publicado em 7 mar 2016, 12h20

Entrevista de emprego é sempre uma situação tensa. E os candidatos ficam ainda mais nervosos em épocas de crise em que os empregos são mais raros e o tempo para a recolocação aumenta. Por isso, a VOCÊ S/A, em parceria com Maria Candida Baumer de Azevedo, diretora da People & Results, consultoria de carreira de São Paulo, fez uma série de três reportagens para ajudar você a se sair bem nessa etapa.

A terceira parte dessa série mostra o que fazer após a entrevista de emprego. Confira as dicas da especialista a seguir.

1 – Boa ou ruim, a entrevista é sempre um momento de aprendizado. Agradeça o entrevistador por e-mail com uma nota gentil de apreciação ao tempo dele e insights obtidos com a conversa.

2 – Caso tenha surgido assuntos de interesse mútuo e, logo em seguida, você encontrar um artigo sobre o tema, um curso ou personalidade interessante, compartilhe com ele.

3 – Espere que o entrevistador cumpra com o prazo mencionado para a resposta sobre sua aprovação/reprovação. È inadequado, por exemplo, cobrar uma posição antes do prazo mencionado.

4 – Caso a data limite da resposta tenha passado há algum tempo, é aconselhável enviar um e-mail educado perguntando se o entrevistador tem alguma novidade sobre o processo seletivo.

5 – Se o emprego for conquistado, crie uma lista particular sobre pontos positivos e negativos que percebeu na empresa antes de ser contratado e se esses pontos permanecem no dia-a-dia. Vale avaliar se estes podem ser aproveitados para sua maior aderência ao projeto da empresa com relação à sua contratação, ou como meta de um projeto futuro de melhorias em processos ou posturas percebidos. Boas ideias são sempre bem vindas.  

Continua após a publicidade
Publicidade