Caixa e Sebrae anunciam crédito bilionário para MEIs e pequenas empresas

Empresários terão prazo de carência de até 12 meses para começar a pagar e prazos flexíveis. Confira as taxas de juros

São Paulo – Um convênio assinado hoje entre a Caixa e o Sebrae vai facilitar a concessão de crédito para micro e pequenas empresas e também microempreendedores individuais (MEI) por conta da crise do coronavírus. A expectativa é que a caixa ofereça R$ 7,5 bilhões em linhas de crédito com condições especiais. Já o Sebrae vai conceder garantias complementares por meio do Fundo de Aval às Micro e Pequenas Empresas (Fampe).

Segundo o vice-presidente de varejo da Caixa, Celso Leonardo Barbosa, “os empresários poderão contar com uma verdadeira plataforma de crédito assistido, prazo de carência de até 12 (doze) meses para começar a pagar e prazos flexíveis para pagamento”.

É possível solicitar o crédito pela internet no portal Caixa com a sua empresa. A Caixa, depois de fazer uma avaliação do crédito, vai apresentar uma proposta para quem pedir o crédito com taxas de juros e prazos analisados caso a caso. Podem pedir o empréstimo empresas adimplentes com faturamento anual de até 4,9 milhões de reais, que tenham mais de 12 meses com receita. 

Ao longo de todas as fases da operação de concessão de crédito, o Sebrae vai acompanhar os empreendedores e fornecer capacitações e soluções adequadas às necessidades de cada negócio e do estágio em que ele se encontra no processo do crédito. Confira as taxas e prazos oferecidos por meio do convênio:

 

                                    Crédito Especial Empresa – Capital de Giro

Porte da empresa

Crédito Especial Empresa – Condições Negociais

Valor máximo contratado por CNPJ

Carência

Amortização após carência

Taxas de juros

Micro Empreendedor Individual

Até R$ 12,5 mil

9 meses

24 meses

1,59% a.m

Micro Empresa

Até R$ 75 mil

12 meses

30 meses

1,39% a.m

Empresa de Pequeno Porte

Até R$ 125 mil

12 meses

36 meses

1,19% a.m

Casas Bahia vai dar 500 reais para microempreendedoras

Processo seletivo para receber o auxílio está aberto e 2 mil mulheres serão escolhidas. O dinheiro, total de R$ 1 milhão de reais, virá do Fundo Emergencial Mulher Empreendedora (F.E.M.E) criado pela Fundação Casas Bahia -braço social da Via Varejo, empresa que controla as marcas Casas Bahia, Pontofrio e Extra.com. Confira:

Veja como receber os 500 reais das Casas Bahia

Quer ter acesso a todos os conteúdos exclusivos de Você S/A?
Clique aqui e assine VOCÊ S/A por R$ 9,90 por mês. E se você gosta da VOCÊ RH é só clicar aqui para ser nosso assinante, também por R$ 9,90 mensais.

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.