Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês
Guru Perguntas & Respostas

Quanto tempo você teria de trabalhar para ter a fortuna do Elon Musk?

O Neymar precisaria de 2.800 anos ganhando os R$ 43 milhões que tira por mês. Agora imagina a gente. Veja aqui pela sua faixa de salário.

Por Alexandre Versignassi Atualizado em 15 dez 2021, 17h02 - Publicado em 9 dez 2021, 18h43

Se o seu nome for Neymar da Silva Santos Júnior, você certamente está feliz com os R$ 43 milhões que tira por mês. Mesmo assim, Ney, não dá nem para o começo. A fortuna de Elon Musk, em 17/11/21, estava em US$ 266 bilhões. R$ 1,463 trilhão pelo câmbio do dia.

Seu Benjamim, aqui da padaria, tirou o lápis da orelha e fez a conta. Menino Ney teria de jogar bola por 2.800 anos, ganhando o que ganha neste momento, claro, para alcançar o dono da Tesla e da SpaceX. É isso: se Neymar ganhasse seus zilhões desde os dias em que Jesus Cristo pregava pela Galileia, ainda faltariam séculos para chegar ao patamar do cara.

Lidar com a discrepância entre ganhos terráqueos e a fortuna do mais rico do mundo é um exercício de escala geológica, dadas as grandezas envolvidas. Mas vamos lá.
Por coincidência do destino, um salário mínimo (R$ 1.100) com 13º e 30% de adicional de férias dá exatamente R$ 14.630 no ano – um número que casa bonitinho com a fortuna de Musk em reais usada aqui. Divida um pelo outro. Dá 100 milhões de anos.

Ganhando um salário mínimo, então, até dá para chegar à grana de Musk. Bastaria ter começado a trabalhar no Cretáceo Inferior, 40 milhões de anos antes do nascimento do primeiro Tiranossauro Rex, e seguir no batente até hoje.

Para quem ganha o salário médio do Brasil (R$ 2.400) seria um pouco menos: 48,5 milhões de anos – pelo menos daria para começar depois da extinção dos dinossauros. Para os que têm um salário bacana, tipo o teto constitucional do funcionalismo público (R$ 39.293), são 2,7 milhões de anos. Bem menos, claro. Mas Vossa Excelência se sentiria sozinho. Ainda faltariam 2,4 milhões de anos para o surgimento do Homo sapiens.

-
Arte/VOCÊ S/A
Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Tempo é dinheiro. Informação, também. Assine VC S/A e continue lendo.

Impressa + Digital

Plano completo da VC S/A! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da VC S/A, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Análises completas sobre o mercado financeiro.

Cobertura diária do fechamento do mercado.

Receba mensalmente a VC S/A impressa mais acesso imediato às edições digitais no App VC S/A, para celular e tablet.


a partir de R$ 14,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Acesso ilimitado ao Site da VC S/A, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Análises completas sobre o mercado financeiro.

Cobertura diária do fechamento do mercado.

App VC S/A para celular e tablet, atualizado mensalmente.


a partir de R$ 12,90/mês