Programa de voluntariado da Ambev já ajudou mais de 2 milhões de pessoas

No dia nacional do voluntário, conheça o projeto da Ambev que conecta funcionários a ONGS que precisam de auxílio em questões de gestão

Em 28 de agosto é comemorado o dia nacional do voluntário – e muitas empresas procuram estimular os funcionários a participar de ações de voluntariado. Uma das mais bem-sucedidas nesse desafio é a fabricante de bebidas Ambev. Em 2017, a companhia desenvolveu o programa VOA que conecta profissionais da empresa à ONGs que precisam de ajuda em questões relacionadas à gestão, desenvolvimento de pessoas e organização financeira. Em três anos de existência, o projeto já impactou 2 milhões de pessoas e, neste ano, chegou a 500 voluntários.

Na entrevista a seguir, Carlos Pignatari, gerente de Impacto Social na Ambev, explica como o VOA funciona e por que ele é importante para aumentar o senso de pertencimento e propósito dos funcionários.

Como o programa VOA foi estruturado?

O VOA começou em 2017 como um projeto piloto de mentoria de alguns executivos da Ambev com a Ong Gerando Falcões (SP) e com o Instituto Reação (RJ). Quando o piloto estava acabando, percebemos que poderíamos estruturar melhor o conteúdo e torná-lo um projeto mais amplo de responsabilidade social, capaz de chegar em mais organizações e impactar positivamente mais pessoas. Começamos a olhar para dentro da companhia e vimos que muitas das habilidades pelas quais a Ambev sempre foi reconhecida – como a capacidade de gestão, o desenvolvimento de pessoas e a disciplina financeira – poderiam ser muito úteis para as organizações sociais. Assim, lançamos oficialmente o programa em janeiro de 2018.

O VOA nasceu com o propósito de ajudar ONGs a administrarem melhor seus processos, orçamentos e também a gerenciar pessoas e carreiras. O programa dá acesso a ferramentas, métodos e processos utilizados pela própria companhia, que podem levar às organizações a uma melhor gestão e, assim, ajudá-las a aumentar o alcance de seu impacto positivo na sociedade. E os professores do curso são os próprios funcionários da Ambev, que se candidatam voluntariamente e são selecionados entre os que mais conhecem os temas para compartilhar conhecimento em suas áreas de especialidade e se tornam “padrinhos” da ONG.

Quais são os últimos resultados?

Em 2018, cerca de 185 ONGs de todo o Brasil participaram do VOA, recebendo mentoria de 200 voluntários da Ambev, e isso significou um impacto social de mais de 2 milhões de pessoas nas comunidades em que essas organizações atuam. Já em 2019, 71 novas organizações se juntaram ao programa e somam-se, mas de 270 voluntários participando do VOA. Em 2020, 98 ONGs estão participando e contando com a mentoria de mais de 500 voluntários.

O que aprenderam e melhoraram ao longo dos anos?

Entendemos que um time de voluntários com habilidades complementares poderia ampliar ainda mais o impacto positivo dessas organizações. E também criamos uma plataforma para compartilhar os conhecimentos e módulos do programa de forma gratuita com o público em geral, permitindo que qualquer interessado ou instituição acesse os conteúdos de gestão do programa. Como atuais desafios, estamos lidando com o desejo de aumentar a atuação do programa para todas as regiões do país, buscando entregar qualidade em todas as mentorias, mesmo que aconteçam de forma online. Com a pandemia, percebemos que as ONGs, mais do que nunca, precisam de apoio e empatia de todos. Diante disso, intensificamos ainda mais a atuação de VOA junto das organizações. Os relatos e histórias que ouvimos, nos estimulam a dar continuidade às mentorias, pois nossas trocas ajudam as organizações a manterem uma estratégia para lidar com esse cenário e sair mais fortes desse momento.

Qual a importância de ter projetos como o VOA para aspectos de gestão de pessoas, como engajamento e atração de talentos?

Com programas como esse, a companhia atua em um dos pilares que sempre foi de extrema importância para nós: crescimento compartilhado com a sociedade. Com as novas gerações chegando ao mercado e as novas aspirações das pessoas com os seus empregos, percebemos que os profissionais têm uma necessidade de se sentirem motivados e comprometidos com algo maior do que o trabalho diário. Acreditamos que engajar os talentos em projetos sociais desperta neles outras competências, aumenta suas perspectivas e promove uma satisfação pessoal. Programas de responsabilidade social com o apoio dos funcionários também nos diferencia no mercado e enxergamos isso como um benefício positivo para a atração de talentos que querem se engajar em causas de melhoria da sociedade. Também percebemos que os funcionários que participam desses programas passam a ter uma postura mais ampla de solidariedade com os colegas, sentem-se mais incentivados em mostrar seus talentos e desenvolvem outras habilidades que favorecem sua evolução profissional e pessoal ao compreenderem as realidades brasileiras de uma maneira mais ampla.

De que maneira a Ambev estimula os funcionários a participarem do programa?

Buscamos estimular nossos funcionários durante o ano inteiro. Por conta disso, comunicamos internamente sobre as ações que estamos realizando no VOA, compartilhamos as histórias das ONGs e também o nível de satisfação delas em participarem do programa. Mantemos em aberto o ano todo o processo seletivo para mentores do VOA e a cada mês realizamos o reconhecimento público do trabalho dos mentores voluntários, dando voz para eles dividirem suas experiências. No decorrer do ano, realizamos ações pontuais com os funcionários. Em 2019, por exemplo, no dia Nacional do Voluntariado, 28 de agosto, fizemos a paralisação dos escritórios da Ambev na cidade de São Paulo, e levamos os funcionários para doarem seu tempo e habilidades em assuntos específicos, para em conjunto com representantes de 17 ONGs participantes do VOA, elencarem seus principais desafios de gestão e desenharem um plano de ação. E também para fomentar a cultura de doação, realizamos o Leilão do Bem VOA, que teve início em 03 de dezembro, data em que foi comemorado o Dia de Doar: uma campanha mundial que promove um ambiente mais generoso, conectando pessoas com causas. O leilão teve 100% de sua arrecadação destinada para as ONGs do programa, como a Aliança Bayeux Franco Brasileira (PB), Instituto Moinho Cultural (RJ) e Instituto Amparando (RJ).

Quais são os feedbacks dos participantes? Eles saem transformados de alguma maneira?

O VOA coloca os funcionários em contato direto com outras realidades e mostra o potencial que a gente tem de contribuir para a transformação na vida das pessoas. Os funcionários passam a ter um olhar ainda mais empático, se sentem muito gratos com essa experiência e felizes de verem as mudanças positivas nas organizações. O programa consegue despertar em seus voluntários o desejo de fazer a diferença e contribuir para a construção de histórias na vida de crianças e jovens atendidos pelas organizações. Além disso, os voluntários afirmam que desde o primeiro contato com as ONGs podem sentir uma troca constante e rica de experiências e valores, que só os motiva na continuidade do voluntariado. Esse sentimento, inclusive, aumenta o comprometimento deles com a companhia, pois enxergam propósito em suas ações e formas de compartilhar o conhecimento que adquirem. Nossas pesquisas de clima organizacional têm reforçado isso, o que nos mostra que estamos trilhando o caminho certo e engajando nossos times em prol de causas significativas com potencial transformador para o voluntário e para quem é beneficiado.

Pode dar um exemplo de como isso funciona na prática?

A Nathália, funcionária da Ambev, encontrou uma ONG que estava num momento muito parecido com o que ela vivia na carreira: ambas estavam repensando os caminhos e como inovar dentro da sua área de atuação. Juntas, entenderam como lidar com seus desafios dentro e fora da companhia.

Quer ter acesso a todos os conteúdos exclusivos de VOCÊ RH? É só clicar aqui para ser nosso assinante.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: