Mais de 60% das empresas podem demitir por causa da crise do coronavírus

Apenas 38% das companhias garantem que não pretendem reduzir o quadro de funcionários

Embora o movimento Não Demita esteja ganhando força entre os empresários brasileiros, o fato é que a maioria das empresas está na corda bamba por causa da pandemia do coronavírus e a maior parte delas deve demitir funcionários para continuar operando durante o isolamento social. 

Segundo um levantamento realizado pela consultoria de gestão de pessoas Fox Human Capital, pelo menos 61% das companhias vão reduzir as equipes. A pesquisa, que foi realizada na primeira semana de abril com mais de 200 executivos da área de RH, indica que 38,7% das empresas não pretendem demitir colaboradores; 21,4% talvez reduzam o quadro, 16,2% vão dispensar com certeza e 23,7% ainda não tomaram uma decisão definitiva.

Filippe Apolo, cofundador da Fox Human Capital, afirma em nota que os responsáveis pela área de gestão de pessoas estão agindo com cautela neste momento na tentativa de reduzir somente o que for inevitável. “Afinal, sem pessoas a retomada de crescimento seria ainda mais difícil”. 

Pequenas empresas

Os números de intenção de demissão podem, na verdade, ser ainda maiores quando consideradas as micro e pequenas empresas. Um estudo da Pontomais, empresa de tecnologia para RH, revela que 35% das pessoas deixaram de bater o ponto desde o começo da quarentena, por volta do dia 15 de março.

Além disso, mais de 10% das companhias estão sem atividade nenhuma de funcionários no momento, sendo que 50% delas se enquadram no perfil de micro e pequenas empresas – que empregam até 10 trabalhadores.

Dentre os setores mais afetados estão as clínicas de estéticas e saúde, representando 16% da base sem atividade; restaurantes e bares (13%); lojas de roupas e acessórios (10%); e varejo de móveis, equipamentos e peças (9%). Os dados são da base da Pontomais, que possui o registro de ponto digital de mais 300 mil colaboradores e 10 mil organizações em todo o país.

Salve os Pequenos

A fim de viabilizar essa possibilidade e minimizar o impacto para os comércios, a plataforma digital Azulis lançou o projeto “Salve os Pequenos”. Confira:

 

Quer ter acesso a todos os conteúdos exclusivos de Você S/A?
Clique aqui e assine VOCÊ S/A por R$ 9,90 por mês. E se você gosta da VOCÊ RH é só clicar aqui para ser nosso assinante, também por R$ 9,90 mensais.  

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: